Que tipo de mãe é você?

0
330
Mãe e filho sentados
Imagem: 3643825 / shutterstock

Dr. Bach dizia que as mães eram antes de mais nada as primeiras médicas e terapeutas de seus filhos. Concordo com ele quando ouvimos: Tal mãe, tal filho! Filho de peixe, peixinho é!

Pensando nisso, quero homenageá-las esclarecendo que todas nós podemos melhorar não só como mães, mas como mulheres também, nos percebendo e, principalmente, nos escutando.

Os florais acalmam e equilibram!

Os nomes dos tipos de mães a seguir correspondem aos muitos florais do sistema Bach. Se você se identifica com algum tipo negativo desses exemplos, os florais poderão lhe ajudar!

Mãe do tipo Olive: Está sempre fazendo mil coisas ao mesmo tempo. No final do dia se sente sem energia.

Mãe do tipo Vine: É autoritária! Grita com os filhos a todo momento.

Mãe do tipo Vervain: Tenta convencer a todos que está sempre certa.

Mãe do tipo Agrimony: Faz cara alegre o tempo todo para esconder suas frustações.

Mãe do tipo Oak: Trabalha o tempo todo como se fosse uma heroína.

Mãe do tipo Red Chestnut: Ela é excessivamente preocupada com tudo que diz respeito à família.

Mãe do tipo Crab Apple: Ela tem mania de limpeza e de arrumação.

Mãe do tipo Elm: Ela se sente sobrecarregada de tantos afazeres durante o dia.

Mãe do tipo Pine: Ela se sente culpada por não ter tempo nem de se cuidar direito.

Mãe do tipo Holly: Ela é muito ciumenta com os filhos.

Mãe do tipo Cherry Plum: Ela se irrita com muita facilidade com os filhos.

Mãe do tipo Heather: Ela é sempre a primeira a falar. As atenções tem que estar sempre voltadas para ela.

Mãe do tipo Clematis: Ela é sonhadora. Está sempre no mundo da lua e distraída.

Mãe do tipo Honeysuckle: Ela é saudosista demais. Fica pensando no passado mais do que no presente.

Mãe do tipo Wild Oat: Está sempre em dúvida de qual decisão tomar, de qual caminho seguir.

Mãe do tipo White Chestnut: Ela é muito preocupada. Normalmente tem insônia de tanto que fica pensando em tudo e em todos.

Mãe do tipo Gentian: A falta de fé dela, enfraquece os relacionamentos entre os familiares.

Mãe do tipo Impatiens: Ela é impaciente e muito ansiosa.

Mãe do tipo Beech: Ela sempre critica as atitudes dos filhos.

Mãe do tipo Rescue: Ela está sempre estressada, nunca relaxa.

Mãe do tipo Mustard: Ela na maioria das vezes se sente depressiva.

Mãe do tipo Hornbeam: Ela sempre está com preguiça quando acorda.

Compartilhar
Viviani Farah
Profª Viviani Farah • Diretora do Instituto Vick’s® de Estética-Emagrecimento-Terapias • Inventora e pesquisadora da Dieta dos Florais® para o Emagrecimento. • Formada em Letras, intitulada bacharel,com Licenciatura Plena em Língua Portuguesa e Inglesa . • Professora autorizada pela Inglaterra, Portugal ,Estados Unidos e Austrália para ministrar cursos da Terapia com os Florais no Brasil. • Professora em estética facial, corporal e capilar. • Palestrante em congressos de beleza e terapias holísticas. • Pós-Graduada, com título de Especialista em Terapia Floral pela Faculdade de Ciências da Saúde e Homeopatia de São Paulo. • Colunista social do site da Rede TV. • Co-autora do livro Espelho, espelho meu... Manual da mulher de 40. • Consultora de beleza para Institutos de Estética e Spas. • Vencedora de prêmios em congressos relativos à trabalhos inéditos de tratamentos estéticos com o uso dos florais. • Laureada como primeira Esteticista especialista em terapia floral do Brasil. • Voluntária como Terapeuta Floral com crianças carentes no projeto : “A Terapia Floral ao Alcance de Todos” . • Participação em programas de rádio, tv e internet. • Colunista Social para sites de beleza e terapias.

DEIXE SEU COMENTÁRIO