7 cuidados simples que podem evitar a queda de cabelos

0
517
Mulher cabelo loiro
Imagem: Engin_Akyurt / Shutterstock

Como manter a saúde dos fios com hábitos práticos. As causas da queda de cabelos podem ser diversas e devem ser diagnosticadas por profissionais.

Um dos assuntos mais frequentes nos consultórios dermatológicos é a queda de cabelos. A queixa não tem público específico, já que parte tanto de mulheres quanto de homens, em diferentes faixas etárias. A dermatologista Alessandra Juliano, do Grupo Aepit, explica como evitar a perda dos fios e manter os cabelos saudáveis.

Antes de tudo é preciso diagnosticar com acompanhamento profissional o motivo da queda dos fios, e esta situação pode ser associada a diversos fatores. “Nos homens a causa mais comum é a alopécia androgenética, conhecida calvície masculina geneticamente determinada. Enquanto nas mulheres, a queda requer uma ampla investigação dermatológica, feita por meio de exames laboratoriais”.

O que fazer para evitar a queda de cabelo?

7 dicas práticas para melhorar a saúde dos fios.

1 – Cabelos saudáveis começam com hábitos de vida saudáveis. A alimentação está diretamente ligada à vitalidade dos fios. “Cuide de seu corpo valorizando a ingestão de frutas e vegetais frescos. Alimentos ricos em ferro e vitaminas, como leguminosas e hortaliças verdes, fazem muito bem aos fios”. Vale lembrar: atenção com os excessos. Vitamina A em excesso pode piorar o quadro de queda de cabelo.

2 – Quando for realizar procedimentos estéticos no cabelo tome cuidado com o produto que vai ser aplicado e o tempo de ação dele. “Certifique-se de que não restou nenhum resíduo do produto no couro cabeludo – lave pelo menos duas vezes com shampoo após qualquer procedimento cosmético e estético no seu cabelo”.

3 – Para finalizar os hábitos simples e diários de cuidados com os cabelos, evite exposição direta ao sol. “Assim como a pele, as madeixas também exigem proteção. Os fios queimam e ficam mais danificados após insolações”.

4 – Use shampoo e condicionador apropriado para o seu tipo de cabelo. Além disso, a temperatura da água deve ser preferencialmente de morna para fria.

5 – Evite realizar procedimentos cosméticos com muita frequência. Por exemplo, não faça uma pintura ou descoloração dos cabelos e uma progressiva no mesmo dia, dê um intervalor de ao menos duas semanas entre uma e outra. Dica da especialista: “minha sugestão é que os procedimentos sejam feitos com couro cabeludo sujo – o próprio sebo que produzimos no couro cabeludo é um protetor e atua como um filme impedindo a oxidação dos bulbos capilares”.

6 – Ao secar os cabelos evite tração excessiva (puxar demais os fios).

7 – Quando usar chapinhas ou qualquer outro mecanismo que aqueça os fios, lembre-se de aplicar um protetor capilar térmico. Chapinha ou babyliss nunca devem ser usados em cabelos úmidos. “Você pode causar danos irreversíveis à haste do cabelo, como a sua vaporização, que se chama bubble hair”.


Dra. Alessandra Juliano é dermatologista, especialista em tricologia, ramo da medicina que trata pelos e cabelos, do Grupo Aepit.

Compartilhar

DEIXE SEU COMENTÁRIO