Homem Básico e Homem Espiritual

0
332
Imagem: Escola Trabalho & Vida

Homem Básico e Homem Espiritual é reflexão necessária aos dias atuais. A palavra homem está no contexto de gênero humano. E a pandemia do coronavírus, veio apenas evidenciar a necessária mudança de postura dos cidadãos do mundo, em geral, e do Brasil em particular.

O homem básico é um ser humano que não se conhece, não tem noção de sua força transcendente que está na sua constituição como um ser espiritual.

Desde os primórdios dos tempos a grande maioria das pessoas do mundo tem vivido como seres humanos básicos, porque pensam que a vida reduz-se em ter o que comer, realizar suas necessidades biológicas e sexuais, ganhar dinheiro, adquirir bens materiais, cuidar de sua vida particular e ter um viver mesquinho, atribulado por problemas e pela morte.

Está longe de suas cogitações, a existência de um Deus sábio, das complexidades do nosso pequeno planeta e da grandeza do Universo; com milhões de galáxias, outros mundos e outras dimensões da vida humana. Pensam que todo o conhecimento humano está no Google, no Facebook, no Twitter ou no Instagram.

Nós seres humanos, muito além da carne, sangue, órgãos, ossos, pele, etc…; somos bioenergéticos, compostos por núcleos de energia chamados “chakras”. Logo, somos um Ser Humano complexo e integral.

O que são Chakras?

A palavra, de origem do sânscrito, significa “roda de luz”. Neste sentido, eles representam os centros de energia conectados com nosso corpo. Cada “chakra” tem uma relação direta com algum órgão do corpo. Existem muitos “chakras”, mas 7 são os principais.

Reflexões…

As ciências Humanas, Médicas, Sociológicas e Psicológicas, assim como as Escolas e Universidades afastaram-se de Deus e dos bons valores cristãos. O resultado foi o legado ao planeta Terra, no século XXI, de bilhões de cidadãos analfabetos e desorientados funcionais por ideologias falhas e enganadoras, pessoas com vazio existencial, órfãos espirituais e carentes emocionais.

Assim como o século XIX foi rico em descobertas espirituais e filosóficas, se duvidam de mim, pesquisem “espiritualismo século XIX”, “Homem Integral” ou “Livros Kardec”, no Google. Já o séc. XX foi um século intenso em guerras, descobertas científicas, tecnológicas, chegando ao ápice de uma vida materialista, com um grande déficit em fraternidade e solidariedade humanas – embora as inúmeras boas práticas e conceitos de Chaplin, Einstein, Madre Tereza e Gandhi:

1) Chaplin: Valores, Fé e Esperança: As questões de esperança e fé, na obra de Charles Chaplin, sempre estiveram muito presentes; quer seja através de seus filmes ou através de suas inteligentes frases e textos. Num de seus pensamentos marcantes, ele disse: “O amor torna as coisas mais belas. A fé faz tudo ser possível. A esperança faz com que tudo funcione”. Vivemos tempos delicados sob as perspectivas da Esperança e da Fé, por um lado temos a ciência e tecnologia na sua constante tentativa de desconstruir estes conceitos, estes ideais humanos.

2) Reduza o Vazio do Viver: Artigo que tem por objetivo apresentar algumas dicas que apoie pessoas de todas as idades no seu viver cotidiano. Ao nosso ver a crise mundial e, a brasileira em especial, tem causado ansiedade, agressividade, atitudes e atos impensados que geram consequências negativas para a própria pessoa e as de seu convívio. Como diz Tati Bernardi: “Há muitos lugares lotados de pessoas vazias!”.

3) Cidadania Desorientada: É artigo que busca refletir sobre posturas de vários líderes mundiais e alguns governadores e prefeitos brasileiros, diante da atual pandemia. Esta realidade atual foi, de certa forma, abordada no Post de 2018: “Desorientação Social” que contém importantes alertas às pessoas do século XXI, onde os valores humanos estão sendo trocados pelo valor do dinheiro, pelo ceticismo, o ateísmo e neoliberalismo de líderes insanos. MUITOS estão trocando valores tradicionais e cristãos, para viverem num mundo de baixa moral (ética), pouca fé e esperança em valores reais e transcendentes.

4) Emoções e Pensamentos Impactam a Vida: Artigo que contribuirá com os milhões de pessoas que estão com estas duas questões fundamentais à vida desalinhadas e, portanto, doentes física e/ou emocionalmente. E vale lembrar que a conjuntura político-econômica do Brasil e mundo nos últimos 30 anos, contribuiu MUITO para que isto acontecesse.

Há várias décadas, tem crescido o interesse pela relação entre as emoções, os pensamentos e o corpo físico (fortalecimento do sistema imunológico). A comunidade científica já aceitou a inegável influência que esses fatores “invisíveis” têm sobre nosso corpo físico e espiritual.

Sérgio Boeira Kappel
Sergio é engenheiro eletrônico PUC-RS/1979, especialista em Treinamento Profissional (UFRGS/1981), MBA em Gestão Estratégica de Empresas (UFSC-FEPESE/2001) e mestre em Engenharia de Produção / UFSC 2003 – Dissertação / Tema: “Estudo exploratório sobre as práticas gerenciais nas EBTs industriais de base tecnológica da região da Grande Florianópolis à luz da gestão do conhecimento”. Fpolis / Brasil, 108 fls. Atuação profissional de mais de 30 anos atuando em cargos técnicos, de coordenação e em cargos executivos (gestão) em empresas do porte de Cia. Souza Cruz, RBS/Rede Brasil Sul de Comunicação, NTS – Núcleo de Tecnologia de Software, Dígitro Tecnologia, Grupo Specto de Tecnologia, entre outras. Vivência prática com ferramentas e metodologias BSC e de GC (Gestão do Conhecimento), com artigos publicados e coordenação de projetos empresariais e do FINEP. Em 2013 atuei com consultor “Ad Hoc” para avaliação de Projetos da FAPESC. Atuação como professor universitário (SENAC 2005 / 08) e Faculdades Borges de Mendonça (2012). Exemplos de disciplinas ministradas: SENAC: Governança de TI, Sistemas de Informações e Avaliação de Projetos Integradores e BM: TI para Administração e Gestão da Informação & Conhecimento. Autor do Blog: www.escolatrabalhoevida.com.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here