Descolorir o cabelo diminui a oleosidade?

0
2359
Mechas por Bruno Oliver. Imagem: Divulgação/Assessoria

Saiba os mitos e verdades sobre a despigmentação e os métodos para agredir menos os fios.

O método de descoloração ainda assusta muitas mulheres que sonham em mudar o visual. Ressecamento excessivo, fios elásticos e quebra contínua do cabelo estão entre os maiores medos das mulheres que passam longe do pó descolorante. O que muitas não sabem é que se o processo for feito com o devido cuidado, não causará tantos malefícios à saúde capilar.

O hairstylist e colorista Bruno Oliver, fala que o primeiro passo para evitar danos é escolher um profissional capacitado para mudar o visual. “O processo pode parecer simples, mas se feito da maneira errada e sem os cuidados necessários pode provocar graves danos, como queda e queimadura do couro cabeludo”.

Muitas mulheres acreditam que terão a oleosidade dos fios diminuída depois da descoloração, mas não é bem isso que acontece. “A descoloração pode sim diminuir a oleosidade, mas isso vai depender de cliente para cliente, de fio para fio. Um mito que muitas mulheres acreditam é que o cabelo oleoso não precisa de hidratação, mas isso pode só aumentar a insatisfação. Hidratação é importante para todo tipo de cabelo”.

Outro ponto é a questão do enfraquecimento do cabelo pós descoloração. “Os fios ficam mais enfraquecidos e finos depois do processo por conta da retirada de pigmento. Usar máscaras específicas para cabelos despigmentados é essencial. Protetores térmicos também irão auxiliar na manutenção saudável do cabelo quando forem usadas fontes de calor, mas lembre-se: nada de usar secador e chapinha todos os dias”.

Três dúvidas constantes sobre descoloração:

1 – Por que o processo de descoloração é feito com o cabelo seco e não molhado?

O processo feito com o cabelo seco faz com que os produtos utilizados tenham um maior desempenho e atividade nos fios. “A água pode atrapalhar com que os produtos cheguem ao córtex dos fios (couro cabeludo), atrapalhando a penetração do produto”.

2 – Por que há riscos de descolorir e colorir um cabelo que já possui química de alisamento?

Como o cabelo já foi submetido a alisamentos, inserir mais um processo químico em cima do anterior traz ricos para a estrutura e saúde do cabelo, podendo o tornar mais fraco e opaco. A sugestão é fazer a descoloração seis meses depois de alisar.

3 – É possível manter o cabelo saudável mesmo após a descoloração?

A cliente que faz o procedimento de despigmentação tem que ter em mente que terá de ter mais cuidados com os fios. Não adianta ter o cabelo perfeito por alguns dias e não cuidar depois. Uma boa linha de manutenção capilar fará com que o cabelo tenha o cuidado necessário para continuar bonito e saudável.


Bruno Oliver é hairstylist e colorista e está à frente do Oliver Salon. Bruno também é embaixador da Hair Brasília 2019. www.facebook.com/Oliversalonbsb/

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here